Duvida da luz dos astros, de que o sol tenha calor,
Duvida até da verdade, mas confia em meu amor...

quarta-feira, 4 de junho de 2014

L'amour en France

















Je me suis tombé amoureux?
Peut-être, je ne sais pas quand les choses ont changé. Je t'ai rencontré, et voilà
Je suis ici en train de penser. Est-ce que tu serais mon amour?
L'amour que j'esperais pendant long temps?
Pourquoi pas? Je crois que c'est possible vivre une histoire de l'amour avec toi.
J'ai toujours souhaité un amour, vivre à la campagne, en mangeant du pain et en buvant du vin, avec plaisir d'une accompagnante pour partager les choses simple de la vie.

Eu me apaixonei?
Talvez, eu nao sei quando as coisas mudaram. Eu encontrei você, veja so!
Eu estou  aqui a pensar. Sera que você  o meu amor?
O amor  que  eu esperei  durante muito tempo?
Por que nao? Eu creio que é possivel viver  uma historia de amor com você.
Sempre desejei um amor , viver  no campo, comendo pao e bebendo vinho,  com prazer de uma compania, para compartilhar as coisas simples da vida.

domingo, 24 de março de 2013

Serafim
















Meio a promessas de amor..
Me vem um terror..
De te ver se esvaindo de mim..
Partindo pra longe, pra terra  sem fim..
Acordeado por canto serafim..
Seus beijos espero..
São beijos sinceros..
Que jamais eis esquecer..
Teus abraços são selos..
Firmes e plenos..
Que esperava pra sempre os ter..
Vai embora meu anjo..
Sorrindo e levando..
Lembranças e planos de mim..
Se outrora voltares..
Me beije e me afague..
Continuando esse amor serafim..

Por Douglas Dourado


quarta-feira, 6 de março de 2013

Dose





















Não estava nos meus planos chorar entre os lençois ..
Reviver lembranças as quais não queria mais reviver...
Provar de um efeito tatuagem..
Que não se apaga..
E faz parte do meu ser...
Por de trás de cada verso, um sentimento..
Analisando a cada métrica um arrependimento..
Eis-me aqui choroso...
Mergulhado em uma taça de vinho...
Recheada de alvoroço,muito álcool e pouco carinho..
Já não sei se choro lágrimas..
Ou se choro o vinho...
Já me sinto tão confuso...
Me traga uma dose de carinho.

Por Douglas Dourado

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Pintura's





















Me pincela a p'arte....
Demonstra-me íntimo de tua arte...
Um estojo, um coração..
Desenvolve  arte e paixão...
Cria em mim diversas cores...
Me intitula dono dos teus amores..
Me pinta a verdade...
Me mergulha  em tua guache..
Eis aqui...
Aquarela em teu Brasil ...

Por Douglas Dourado


sexta-feira, 27 de julho de 2012

A arte do silenciar..




Silêncio diz muito..
Diz aquilo que você não pode ouvir..
Diz aquilo que tu não tens coragem de admitir..
Diz tudo aquilo que ainda nem pensastes...
Grita tudo aquilo que um dia planejastes..
Silêncio, silencia a alma..
Silêncio, que procria a calma...
Silêncio, apenas silêncio..
Psiu, um minuto de silêncio!!!

Por Douglas Dourado


As quatro estações



Hoje me parece que nada valeu a pena...
Que os sentimentos vividos....
As palavras ditas ....
Foram todas perdidas .
Passamos por 4 estações...
A primavera, onde todo o sentimento floresce...
O inverno , onde  os corpos  necessitam-se...
O verão, onde toda energia se transmite num raio de luz....
E o outono, onde tudo se vai....
E agora eu só ouço os suspiros do vento...
Até a próxima estação...

Por Douglas Dourado

sábado, 23 de junho de 2012

O Poeta e a Amada















 Como escrever sem sua amada? 
 Como amar sozinho seguindo sua propria estrada?
 Poeta sumiu...
 Amada fugiu? 
 Regressa amada... 
 Precisamos de ti... 
 É conjunto perfeito...
 Selado em mim... 
 Este poeta tem sede... 
 Sede de teu amor..
 Esse poeta retrata ..
 Um desejo e um sabor.. 
 Ser feliz, vivenciar... 
 E desfrutar por inteiro ..
 Tamanho fervor...

 Por Douglas Dourado